Primeiros Religiosos Cavanis no Brasil

Primeiros Religiosos Cavanis no Brasil

E em 28 de novembro de 1968, Pe. Donati, Pe. Merotto e Pe. Giusti chegaram em terras brasileiras.


30 Ottobre 2016 alle 10h00 | 0 Invia il tuo commento!
Di Fernando Riqueto


Foto - Chegada dos primeiros Religiosos Cavanis no Brasil: Da esquerda para direita Padre Francisco Giusti, Monsenhor Geraldo Pellanda, Bispo de Ponta Grossa, o Prefeito da cidade, Padre Livio Donati e Padre Mario Merotto.

A Congregação das Escolas de Caridade – Instituto Cavanis, representado na pessoa de seu Superior Geral, fez sua primeira viagem de visita e contatos com dioceses brasileiras no período de 26 de março a 31 de abril de 1968. A cidade de Castro no Paraná foi escolhida para que pude-se ser iniciada a primeira comunidade Cavanis no país.

E em 28 de novembro de 1968 os primeiros Religiosos Cavanis: Pe. Lívio Donati, Pe. Mário Merotto e Pe. Francisco Giusti.Pe. Donati, Pe. Merotto e Pe. Giusti chegaram no Brasil, na cidade de Castro-PR, e aqui, Monsenhor Geraldo Pellanda, Bispo de Ponta Grossa, confiou o colégio de "Santa Cruz" e uma chácara aos "Padres Cavanis".
 

Pe. Giovanni DeBiasio, recorda uma passagem interessante do dia da partida na Itália: 
O Pe. Lívio respondia as palavras do Cardeal Patriarca e do Superior Geral, agradecendo a todos e dirigindo um pensamento particular aos meninos e jovens presentes. Muitos tinham dito no entusiasmo da hora, "Vamos também nós ao Brasil" e um menino da cidade de Chioggia falou: "Feliz o senhor que poderá ver os tubarões durante a travessia", e o Padre Lívio comentou: "Sim, os tubarões do Brasil que são o grande desequilíbrio entre ricos e pobres, a fome, as doenças e a falta de instrução escolar e lá nos seremos Cavanis, isto é, educadores, porque sabemos que a solução dos grandes problemas vem da escola". (Fonte: BIASIO, 1994, p. 35).


Na cidade de Castro, no Estado do Paraná, tendo iniciado o trabalho missionário, colocando em prática o Carisma Cavanis junto a comunidade e fazendo uso das primeiras estruturas físicas que dispunhamos e que nos foram confiadas: o Colégio de Santa Cruz e a chácara "Cenáculo Cavanis" (que hoje seguem em atividade e sendo referência de nosso Carisma de forma prática) começaram a surgir os primeiros frutos vocacionais. Os jovens passaram a sentir-se impelidos a fazer parte desta "ideal de vida" que era desconhecido até então.

Tendo espaço limitado mas notando o desejo destes jovens em querer fazer parte desta encantadora experiência que o Carisma Cavanis possibilita junto a Divina Providência, os primeiros padres que aqui chegaram, reorganizaram as estruturas que dispunham e em 1971, adaptando um edifício para acolher o primeiro grupo de seminaristas (19 jovens), três anos depois (1974) teriamos o primeiro Seminário Cavanis.

A integração e expansão missionária dos Religiosos Cavanis, iniciada na cidade de Castro-PR, em poucos anos se expandiria para outros Estados do Brasil.
Seguindo as Constituições e Normas Cavanis para poder organizar melhor os trabalhos missionários, dando mais dinamismo e autonomia para que se possa ter soluções e decisões rápidas em diversas atividades e trabalhos a serem realizados, o Brasil em 1973 se torna "Região do Brasil", em 1985 como sinal de aumento da sua vitalidade se torna Pró-Província  em 1996 torna-se como atualmente é conhecida: Província "Antônio e Marcos Cavanis" do Brasil, com sede atual na  cidade de Castro-PR.

Província "Antônio e Marcos Cavanis" do Brasil
Rua Antonio Rolim de Moura - Castro-PR
Telefone (42) 3233 - 3464
Email contato@cavanis.org.br


Entre os anos 2016 a 2018 os religiosos e leigos Cavanis irão viver os preparativos da grande celebração que ocorrera ao final de 2018 e ao longo de 2019. Serão diversas atividades em todas as nossas comunidades para agradecermos juntos, a Deus, pela






Scrivi il tuo commento...